Saúde


Saiba como passar longe do Aedes aegypti


De acordo com um levantamento do Ministério da Saúde, em 2019, casos de dengue cresceram 264% em 2019. O número de casos registrados chegou a 229 mil nos primeiros meses do ano e o número de mortes também aumentou. Essa é apenas uma das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.

O mosquito também é responsável pela transmissão da febre amarela, zika vírus e chikungunya. Além do aumento do número de casos de dengue, também cresceu o número de casos de zika. Por isso, é importante seguir alguns cuidados para evitar contrair essas doenças e passar longe do Aedes aegypti.

1°) Para evitar a reprodução do mosquito na sua casa: coloque areia em pratinhos com água, não jogue lixo em terrenos baldios, não deixe água da chuva acumulando sobre a laje e preste atenção a qualquer cantinho que recebe água e pode acumulá-la.

2°) Antes de sair de casa, crie o hábito de passar repelente. A Organização Mundial da Saúde (OMS) indica os produtos à base de Icaridina, que oferecem até 12 horas de proteção. Eles podem ser aplicados logo depois do filtro solar, para que ambos os produtos tenham a máxima eficácia possível.

3°) Segundo estudos, o Aedes aegypti tem atração pelo suor e roupas escuras. Em dias mais quentes, priorize o uso de peças claras, leves e que cubram boa parte do corpo.

4°) Não deixe de fazer os exames de rotina. Em caso de sintomas similares aos da dengue, febre amarela, chikungunya e zika vírus, procure a unidade de saúde mais próxima e consulte um médico.

5°) Para uma proteção ainda maior contra o vírus da febre amarela, o ideal é tomar vacina contra a doença. Antes de passar pelo procedimento, contudo, é indicado pedir orientação médica. Chikungunya e zika vírus ainda não possuem prevenção por vacina. A bula da vacina da dengue (Dengvaxia) mudou recentemente a pedido da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, após pesquisas sugerirem que os pacientes sem histórico de infecção podem desenvolver quadros mais graves se tomarem a vacina e, depois, forem picados pelo mosquito.