Previdência Privada

Após uma vida de trabalho e dedicação, todos queremos a oportunidade de nos aposentarmos com segurança financeira. Um formato importante para assegurar isso é a Previdência Privada. Sem estar ligada ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), existem duas formas de Previdência Privada: PGBL e VGBL.

O primeiro (PGBL) é indicado para quem faz a declaração do IR completa, já que o valor depositado todos os meses pode ser deduzido. Já o segundo, é para quem faz a declaração simplificada e como vantagem tem que o IR só é feito sobre os rendimentos, deixando as contribuições livres.

Sendo fiscalizado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep), órgão do Governo Federal, este modelo tem valor de contribuição e periodicidade abertos para escolha, sendo que o investimento básico pode ser de até R$ 100 por ano, mas isso vai afetar o valor retornado ao se aposentar. Entre em contato com o seu corretor de seguros de confiança e veja mais detalhes sobre Previdência Privada que caiba no seu bolso e garanta um futuro mais tranquilo para você e sua família.

CTB recebe mudanças que passam a valer em seis meses

A mudança no Código de Trânsito Brasileiro foi sancionada pelo presidente nesta semana e entrará em vigor em 180 dias. Você sabe tudo que ela altera? Não, né. Então vamos lembrar alguns dos principais pontos.

Novo limite de pontos para motoristas não profissionais:

  • 20 pontos, caso o condutor tenha duas ou mais infrações gravíssimas em 12 meses;
  • 30 pontos, caso tenha apenas uma infração gravíssima no mesmo período;
  • 40 pontos, caso não tenha infrações gravíssimas nesse intervalo.

Novo limite de pontos para motoristas profissionais:

  • 40 pontos, não importando a natureza das infrações durante o período de 12 meses.

Renovação agora tem o prazo de dez anos para nova avaliação física e mental de forma geral, com algumas mudanças apontadas abaixo:

  • dez anos para condutores com menos de 50 anos;
  • cinco anos para condutores com idade igual ou superior a 50 anos e inferior a 70 anos;
  • três anos para condutores com 70 anos ou mais.
  • Punições mais duras para lesão corporal e homicídio causados por embriaguez, já que a pena de reclusão não pode mais ser substituída por medidas mais brandas.

Outra mudança é a obrigação que o veículo passe pelo recall para ser licenciado, os faróis acesos continuam obrigatórios nas estradas, mas não mais em perímetros urbanos e o uso das cadeirinhas de crianças persiste, obrigatório até os dez anos de idade que não tenham 1,45 metro de altura, sempre no banco traseiro.

Dia Nacional do Trânsito

No trânsito somos todos pedestres. Esta frase tem um impacto muito forte para lembrar todos quando estamos nas ruas que devemos lidar com os efeitos de nossas decisões. Respeitar a sinalização, os limites da lei, respeitando o próximo, é o básico que podemos esperar e devemos cobrar de todos nós na busca por um trânsito mais seguro e gentil. Por isso, vamos lembrar abaixo alguns truques básicos para tomarmos na rua?

• Respeite as leis de trânsito.
• Dê preferência ao próximo.
• Respeite a sinalização.
• Não dirija alcoolizado.
• Não use o celular ou outros dispositivos enquanto estiver dirigindo.
• Use sempre o cinto de segurança.
• Mantenha seu veículo revisado e bem cuidado.
• E, para encerrar, lembre-se: a pessoa ao lado pode estar tendo um dia ruim, por isso não a julgue ou entre em um cenário de confronto. Deixa-se seguir e continue no seu caminho em paz.