Educação


No trânsito, nossas escolhas fazem a diferença


A cada 15 minutos, uma pessoa morre em um acidente de trânsito no Brasil. Em 2017, o número de indivíduos que morreram envolvidos em colisões e atropelamentos foi de 34.236, de acordo com o Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, cerca de 90% das colisões fatais são causadas por erro humano, e entre as causas mais comuns de acidentes com morte estão a desatenção, excesso de velocidade, ingestão de álcool, desobediência à sinalização e ultrapassagens indevidas.

8 Dicas de Segurança no Trânsito:

  1. Todos os ocupantes do veículo devem usar o cinto de segurança, inclusive no banco traseiro.
  2. Ao andar de carro, crianças de até 7 anos e meio devem usar os equipamentos de proteção adequados a sua idade (bebê conforto, cadeirinhas ou assento de elevação).
  3. Dirigir embriagado reduz em até 25% o tempo de reação, aumentando o risco de acidentes. Se beber, não dirija.
  4. Bicicleta também é veículo, portanto deve respeitar a sinalização de trânsito.
  5. Respeite os limites de velocidade. Reduza a velocidade em frente a escolas ou lugares de grande concentração de pedestres.
  6. Motociclistas devem usar sempre os equipamentos de proteção: capacetes, luvas, botas e jaqueta.
  7. Não use o celular enquanto dirige. A distração é um dos principais fatores de risco para quem está ao volante.
  8. Dirigir cansado ou com sono é tão perigoso quanto dirigir alcoolizado. Pare e descanse antes de pegar a estrada.