Trânsito Seguro


Você sabe quantas pessoas sofrem acidentes de trânsito por dia?


Os acidentes de trânsito vitimam mais de 50 mil brasileiros por ano (136 pessoas por dia) e cerca de 595 mil ficam com invalidez permanente. É a primeira causa de mortalidade dos jovens (de 15 a 29 anos de idade) e a segunda causa das crianças (faixa de 5 a 14 anos). Hoje, o Brasil é reconhecidamente como um dos recordistas mundiais de acidentes de trânsito.

No mundo, são mais de três mil vidas perdidas por dia nas estradas e ruas ou a nona maior causa de mortes. Atualmente, esses acidentes já representam um custo de US$ 518 bilhões por ano ou um percentual entre 1% e 3% do PIB (Produto Interno Bruto) de cada país.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) estima que 1,9 milhão de pessoas devem morrer no trânsito em 2020 (passando para a quinta maior causa de mortalidade) e 2,4 milhões, em 2030. Nesse período, entre 20 milhões e 50 milhões de pessoas sobreviverão aos acidentes a cada ano com traumatismos e ferimentos. Para combater isso, a ONU criou a “Década de Ação para a Segurança no Trânsito”, que visa reduzir pela metade o número de acidentes, o que evitará cinco milhões de mortes até 2020.

Esta é uma situação muito alarmante. Por isso, foi criado o Maio Amarelo, Movimento com o objetivo de mobilizar e conscientizar a população e, consequentemente, reduzir o número de acidentes.

Confira abaixo 10 Dicas de Segurança no Trânsito:

  1. Todos os ocupantes do veículo, adultos e crianças, devem usar o cinto de segurança inclusive no banco traseiro.
  2.  Nos carros, crianças de até 7 anos e meio devem usar os equipamentos de proteção adequados a idade (bebê conforto, cadeirinhas ou assento de elevação).
  3. Pedestre deve sempre ser respeitado. Lembre-se: você também é pedestre.
  4. Dirigir embriagado reduz em até 25% o tempo de reação, aumentando o risco de acidentes. Se beber, vá de ônibus, táxi ou carona.
  5. Bicicleta também é veículo, portanto deve respeitar a sinalização de trânsito. Motorista mantenha uma distância segura de 1,5 m ao ultrapassar ciclistas.
  6. Respeite os limites de velocidade. Reduza a velocidade em frente a escolas ou lugares de grande concentração de pedestres.
  7. Motociclistas use sempre os equipamentos de proteção: capacetes, luvas, botas e jaqueta.
  8. Respeite as vagas reservadas para idosos e deficientes. A gentileza melhora a convivência no trânsito.
  9. Não use o celular enquanto dirige. A distração é um dos principais fatores de risco para quem está ao volante.
  10. Dirigir cansado ou com sono é tão perigoso quanto dirigir alcoolizado. Pare e descanse antes de pegar a estrada.

Seja consciente, respeito o trânsito e respeite a vida!